Os primeiros hominídeos

Discutir sobre os primeiros hominídeos, é algo que só foi possível através o estudo dos fósseis, ou seja, desenterrando pistas de seres vivos que há muito existiram na Terra, para estudar seus bem conservados restos mortais ou indícios de sua existência. Não é meu desejo ofender nenhuma religião, pois cada religião tem explicações diferente para como Deus ou os deuses criaram os seres humanos. Como a origem do homem, pode ser explicada tanto pela linha religiosa, quanto pela linha científica, vou apenas discutir nesse post, e de maneira resumida, a origem do homem do ponto de vista da evolução.

Segundo a teoria evolutiva, o homem surgiu da evolução de formas de vida mais rudimentares e sua espécie ancestral é cheia de espécies que dela surgiram e não se adaptaram, algumas até coexistiram, como inimigas. Só para constar, a evolução não é como a evolução de Pokemóns. Muitos dos espécimes nem chegaram a evoluir, ou quando evoluíram, não deixaram de existir todos os demais representantes, apenas foram deixando de existir aos poucos pois somente os mais evoluídos, ou melhor dizendo, os mais aptos, sobreviveram. Hoje, consideramos apenas algumas espécies como espécies próximas do que conhecemos como ser humano, por isso todos recebem um nome que inicia com Homo alguma coisa. O espécime anterior ao gênero homo, era conhecida como Australopithecus, esse ancestral não era bem um macaco, mas era algo muito próximo disso, e já tinham a capacidade de andar sobre os gramados e buscavam comida no solo. Muitos australopithecus foram encontrados na África, e lá também foram encontrados restos de homos antigos, portanto hoje aceita-se a África como o palco onde desenvolveram-se todas as espécies do gênero humano. E sim… durante muitos anos os cientistas negaram a acreditar que o “homem nasceu na África”. A geografia do continente africano proporcionou as condições necessárias para protegerem-se das glaciações, caçar e poder desenvolver-se com segurança… fora que somente na África é que localizamos todas as etapas da evolução  humana… isso comprovado através dos diferentes tipos de fósseis localizados. Portanto, todos nascemos da África e negar isso, do ponto de vista da ciência é uma tremenda bobagem.

O gênero Homo

Os hominídeos desenvolveram-se também… muito tivemos  que evoluir desde o primeiro hominídeo, desde adaptações físicas, psicológicas ou cognitivas. A melhor forma de discutir isso é criando um quadro abaixo com cada uma das características desses hominídeos.

Homo Habilis Homo Erectus Homo Neandertal Homo Sapiens
Alimentação Vegetais e um pouco de carnes Onívoro, passou a comer carne regularmente Onivoro Onivoro
Habilidades O nome de habilis refere-se ao fato dele ser habilidoso. Ele fabricou os  primeiros instrumentos de pedra e de madeira. Primeiro a usar o fogo, e alguns instrumentos diversificados como facas ou raspadores. Foi também o primeiro a pratcicar a caça de forma organizada Fabricava novos instrumentos que precisavam de maior controle das mãos. Alguns pesquisadores apontam que ele sabia comunicar-se vocalmente e que cuidava dos seus feridos. Desenvolveu a consciência reflexiva, linguagem escrita e falada, senso de moralidade e diversas outras técnicas superiores aos seus predecessores.
Quando viveu Surigiu por volta de 2 milhões de anos atrás 1,7 milhões até 300 mil anos atrás 135 até 35 mil anos atrás 40 mil anos atrás, até hoje.

 

Exemplos de Hominídeos

Exemplos de Hominídeos

Legal de comentar, é que anteriormente pensava-se na possibilidade de existir um gênero de sapiens arcaico, um antecessor do homo sapiens moderno, ou homo sapiens sapiens (homem sábio  sábio, ou duplamente sábio). Porém hoje considera-se que o sapiens arcaico deve ser usado para exemplificar todas as subespécies anteriores ao homo sapiens sapiens… e o “homem duplamente sábio” passou a ser comumente denominado apenas como Homo Sapiens.

O saber reflexivo – o saber do homo sapiens

A grande vantagem dessa nova espécie sobre as outras era a sua capacidade mental superior sobre as demais espécies. Ele tinha uma capacidade de imaginar, de observar, refletir e aprender superior às outras espécies, em especial ao homem Neandertal que era uma espécie que viveu em tempo próximo ao dele. O homo sapiens tinha uma capacidade social maior, sentia emoções de maneira melhor, e se relacionava de maneiras mais eficientes que as demais espécies. Por esse motivo lhe era possível passar melhor os ensinamentos de uma geração para a outra, aprimorando assim o aprendizado sobre alguma técnica em específico. Através dessa enorme capacidade criativa, lhe foi possível criar o que chamamos de cultura.

Esse termo, cultura, envolve uma série de ensinamentos que são passados de uma geração para a outra, é o conjunto de crenças, conhecimentos técnicos, costumes e todos os padrões construídos socialmente por um grupo de indivíduos pertencentes à um mesmo grupo. Devido a toda essa capacidade psicológica superior… não é a toa que o homem sapiens foi o responsável pela domesticação dos animais, da invenção da agricultura bem como todas as transformações tecnológicas que culminaram com a revolução neolítica.

 Bom…  acho que era isso… como continuação da leitura, acho que seria legal continuarem lendo o post sobre a Pré-história… a gente se vê, até mais.

  • bluna

    me ajudo muito no trabalho de historia!!

  • MaxEurique i

    Muito bom. Parabéns !

    • Fernando de Pinhal

      Obrigado, volte sempre amigo.